Ingles Verde Amarelo

A voz passiva: uma praga ou uma necessidade?

Foi aprendido por mim que a voz passiva é similar em inglês e português. Não é sabido por mim se mais dificuldade for causado por o uso freqüente dele em português, mas é achado que mais dificuldade foi tido quando este texto foi escrito.

A vida das pessoas nas empresas australianas é endurecida pelo hábito de escrever-se na voz passiva. É achado por mim que um preço alto é pagado por negócios Australianos por causa do tempo extra que é precisado por empregados quando este tipo de escrita é lido.

O mesmo é achado por vocês?

----------------------
It was learnt by me that passive voice is similar in English and Portuguese. It is not known by me if more difficulty might be caused by its frequent use in Portuguese, but it was found that more diffculty was had when this text was written.

The life of people in Australian enterprises is made harder by the habit of writing in passive voice. It is thought by me that a high price is paid by the Australian businesses because of the extra time needed by employees when this style of writing is read.

Is the same found by you?

-----------------------
Na verdade, este texto é exagerado, mas não muito. Felizmente, hoje em dia, o governo australiano tem uma política "Plain English" e a gente não acha este tipo de escrita nas publicações oficiais. Na outra escrita menos desenvolvida, por exemplo escrita legal, ou documentação interna de algumas organizações, a gente ainda pode achar esta praga da voz passiva.

Really, this text is exaggerated, but not much. Fortunately, these days, the Australian Government has a plain English policy and you won't find this style of writing in official publications. In other less enlightened writing, for example legal writing or internal documentation of some organisations, you can still find this plague of passive voice.

Passive voice in English is the same as in Portuguese.

A tarefa foi feito = The job was done.

Infinitive
To be photographed

Gerund
Being photographed

Indicative:
She is photographed (pres simple ind)
She is being photographed (pres cont ind + fut ind)
She was photographed
She has been photographed
She is to be photographed (fut ind)
She would be photographed (cond)

Subjunctive:
That she might be being photographed (subj pres continuous + subj fut)
That she might have been photographed (subj past)
That she might have been being photographed (subj past)
That she might be photgraphed (subj fut)

Imperative
Be photographed!

--------------------------
E com a voz ativa (Ufa!!):

Aprendi que a voz passiva é similar em inglês e português. Não sei se o uso freqüente dela causar dificuldade em português mas achei que foi difícil escrever este texto.

O hábito de escrever-se em voz passiva endurece as vidas das pessoas nas empresas australianas. Acho que os negócios australianos pagam um preço alto porque empregados precisam de mais tempo para ler este tipo de escrita.

Vocês acham o mesmo?

-------------
I learnt that passive voice is similar in English and Portuguese. I don't know if its frequent use causes difficulty in Portuguese, but I found it more difficult to write this text.

The habit of writing in passive voice makes the lives of people in Australian enterprises harder. I think that Australian businesses pay a high price because employees need more time to read this style of writing.

Do you think the same?

----------------------
Obrigado Anjaluz, quem sempre me ajuda com estes blogs.

Se você gostou deste blog, por favor, pleeeeeease me deixe um
comentário, para me encorajar escrever mais blogs. Você também pode
visitar meu site sobre aprender inglês: http://www.english4brazilians.com

Exibições: 46

Comentário de David Stephensen em 26 abril 2008 às 5:13
Comentário de Anjalluz em 27 abril 2008 às 13:37
It is really good your essay for us ,it means every language has "curses"
Comentário de manoel joaquim leite neto em 27 abril 2008 às 19:51
Olá, David,

Adorei ler o seu texto "Por que aprendo português?" É bom saber também que, fora dos países lusófonos, há quem se interesse tanto pelo estudo da nossa língua. Eu, particularmente, também adoro a língua portuguesa, especialmente estudar as suas variedades lingüísticas. Veja-se o quanto é gostoso comparar o uso do português do Brasil com o de Portugal e dos outros países da comunidade de língua portuguesa, como também do entre as várias regiões do Brasil. E quanto ao inglês da Austrália? Há muita diferença para o da Inglaterra, dos Estados Unidos e dos outros países que têm o inglês como língua oficial? E dentro da própria Austrália? Adoraria se você fizesse comentários a esse respeito.

Quanto ao seu texto sobre a " voz passiva" acho que de fato você exagerou na exemplificação do seu uso, como você próprio reconheceu. Entendo que, antes de ser uma praga, a voz passiva é um recurso utilizado para dar maior ênfase à ação praticada do que quem a praticou. Veja-se os seguintes exemplos:

David derrubou a cadeira
A cadeira foi derrubada por David.

Concorda comigo?

Seu uso, sem exageros, portanto, pode até tornar o texto mais elegante.

Sim, David, também adoro a língua inglesa, muito embora não a domine. Estou tentado aprendê-la e gostaria muito que você colaborasse comigo. Quanto ao português, estarei ao seu inteiro dispor no que estiver ao meu alcance.

Abraços.
Comentário de manoel joaquim leite neto em 2 maio 2008 às 4:29
David,
Thank you for to have added me
hugs.

Comentar

Você precisa ser um membro de Ingles Verde Amarelo para adicionar comentários!

Entrar em Ingles Verde Amarelo

IVA no Twitter

© 2019   Criado por Christopher O'Donnell.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço