Ingles Verde Amarelo

..Sou eu, tua permanente espera, prata do teu brilho, bardo da tu alma!


...Sou eu o eterno, mais que amante, o ser do solo e solfejo, do desejo!



Por fases sou fada ou feiticeira... Envolvo-te em meus braços...
Neste doce mistério...Onde a alma inspira e encanta...
Os eternos enamorados...

...Fada ou feiticeira, és meu abraço, meu enlace, minha pele;

...És o caldo e o favo de que m´embebo na festa do prazer!



Sou lua nua mensageira... De tantos desejos...
Sou sua feiticeira... Viajante no tempo...
Em busca de um eterno namorado...



...És nua, irmã da lua.

...És minha rua, dos meus passeios no teu tempo, no teu presente e no teu encanto;...É caminho;...Eu sou viés!



Por fase faceira... Por outras um encanto...
Mas sou a lua... De todos os amantes...



...És tão só a minha lua.

...És posta nua dadivosa dos deuses que me cobram o pecado, que, em ti, me tornam o ser alado da tua festa.

...É quimera;...És minha eterna espera!

Exibições: 2

Comentário de Antônia Veras em 26 julho 2012 às 1:26

Comentar

Você precisa ser um membro de Ingles Verde Amarelo para adicionar comentários!

Entrar em Ingles Verde Amarelo

IVA no Twitter

© 2020   Criado por Christopher O'Donnell.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço